kusudama: kusabi a (i)

Fevereiro 11, 2008

Surpresa das surpresas… Outra kusudama de autoria da FUSE Tomoko! Tenho a certeza que ninguém o esperava… : ) Só fiz ainda as formas básicas do octaedro e cubo. A do dodecaedro virá depois.

pu2_kusabiaa.png

pu2_kusabiab.png

Como ainda não fiz a de 30, ou 60 neste caso, unidades estas foram montadas sem cola. Só um bocadinho desafiante para a de 12 unidades. No entanto se o papel usado não for muito grande monta-se perfeitamente sem qualquer cola. Estas kusudamas foram feitas com papel de 6x12cm /2.4×4.7″ normal, colorido de 80 gramas por metro quadrado. A de 30 unidades será um pouco grande mas se usar papel desta gramagem com unidades mais pequenas a montagem tornar-se-à bastante difícil.

Anúncios

waribashi!

Fevereiro 11, 2008

Apenas para chamar a atenção à revista waribashi e à página que lhe dedico aqui no blog… ; )

kusudama: curl 1 (i)

Fevereiro 9, 2008

Mais uma vez uma kusudama do livro Flower Globe, 花まり, de 布施知子/ FUSE Tomoko. Esta chama-se カール1/ Curl 1. Não é a primeira kusudama enrolada/ encaracolada do livro mas leva o nome como tal… Tal como a do post anterior já está feita há já algum tempo

pu2_curl1.png

Como muitas, todas?, as kusudamas do livro também esta é uma sonobe dupla; aliás este não é o termo correcto mas na falta de melhor… Afinal de contas um módulo sonobe é feito a partir de uma quadrado de papel, duma unidade por módulo entre outras diferentes características. Já para não falar dos arranjos possíveis nestas kusudamas : )
Usei papel colorido de dupla face de 8×4 cm/ 3.1×1.6″ e o mesmo tamanho de papel de esquisso. O papelo de esquiço não aguenta muito bem o enrolado mas também não aguenta assim tão mal, no entanto, se arranjar um substituto melhor usá-lo-ei com certeza. Esta kusudama se não for “enrolada” fica com um aspecto bastante diferente.

kusudama: diamond shape pacchi (i)

Fevereiro 6, 2008

Estas kusudamas são da 布施知子 /FUSE Tomoko e achei por bem fazer um post delas antes da versão washi. A mais pequena é de 12 unidades e a maior de 30. Estas unidades são similares às sonobe mas são feitas de papel 1:2 e cada unidade/ módulo terminado são duas peças, uma base e uma face. Nesta kusudama a unidade base é a da côr base e a face é a forma em diamante.

pu2_hishigatapacchia.png

pu2_hishigatapacchib.png

pu2_hishigatapacchic.png

Estes módulos foram feitos em papel colorido de 8×4 cm /3.1×1.6″ e de 70g/m2. A kusudama mais pequena pode ser feita sem cola mas a maior não aconselho. Eu usei um pouco. Será infernal montá-la sem cola mas acredito que seja possível.
Uma nota sobre o nome: fiz esta kusudama do livro original/ japonês por isso nome em inglês ou mais compreensível é mentira. Sei que há uma versão inglesa do livro mas nunca a tive na mão por isso… A kusudama chama-se ひし形パッチ; em inglês é algo como diamond shape pouch ou patch. Não sei o que quererá dizer ou o que será o パッチ /pacchi. Em português? Hmn, não me aventuro a traduzir o nome para português, soa sempre tão melhor em japonês ; ) Podem encontrar esta menina em Flower Globe, 花まり.
[edit: nome do kusudama em inglês: rhombic patches!]

paper unlimited & ultimato do papel

Janeiro 17, 2007

paper unlimited é o meu blog, em inglês, sobre origami ou dobragem de papel. O título foi escolhido porque através do origami o papel é um veículo de transmissão de sonhos. Não há limite ao número de criações/ dobragens que se pode fazer! O blog foi pensado para libertar o croquis do conteúdo de origami e porque assim poderia fazer um blog em inglês que, diga-se o que se disser, é a língua mais falada/ lida. Agora passados uns meses decidi disponibilizar o mesmo conteúdo em português. Afinal de contas eu sou portuguesa! : ) A primeira opção passou por, no mesmo blog, ter o texto em inglês e português. Mas achei que seria muito confuso, então a segunda opção pareceu-me de mais fácil execução e manutenção: outro blog/ sister site em português com as imagens partilhadas. Depois a azáfama do nome: querendo partilhar as imagens e sendo um sister site o nome do blog deveria ser semelhante. Primeiro, foi o ‘papel ao limite’ mas como o logótipo se mantém o título tem que ter um ‘p’ e um ‘u’… Depois de uns minutos a pensar lá me decidi por ‘ultimato do papel’. Explicando um pouco o nome: desde que faço origami, e acredito que isto seja verdade para muito boa gente que também faça origami, o papel como que me “provoca”. “Fala” comigo e diz «transforma-me em algo bonito!»; outros vão mais longe e especificam o que querem ser: uma kusudama, uma rosa, uma borboleta… E eu como boa rapariga que sou, lá faço a vontade ao papel : )

O meu primeiro contacto com origami foi à 8 anos atrás no entanto parei. Não me lembro exactamente o porquê mas parei. Tirando uma pequena caixa que continuei sempre a dobrar por ser fácil, útil e a única que sabia fazer.

Recentemente, ou nem tanto: um ano e meses, ofereceram a um amigo meu um kit sobre origami. Daqueles simples com o livro e umas folhas. Ele ficou contente e eu fiquei naquela, olha já não faço origami à bastante tempo. Depois como eu sabia fazer grous, sapos, um ou outro coração e aquelas coisinhas básicas decidi experimentar kusudamas. Queria mostrar-lhe que origami pode ser simples e giro e ir mais além que estrelas e animais… Seria mais estimulante e mantinha a simplicidade. Ele ficou a adorar kusudamas e origami modular e eu ainda mais! Ainda gosto muito de origami “simples” mas o origami modular e as kusudamas vieram para ficar : )

sakuradama de KAWASAKI Toshikazu

Esta é uma sakuradama (modelo por 川崎敏和) um belo exemplar de origami modular e de kusudamas. Dobrada por mim, claro ; )

Entretanto uma pequena nota àparte da versão inglesa: como só no final de Agosto decidi fazer a versão portuguesa do blog, decidi manter a ordem e data original dos posts. Assim sendo vão aparecendo coisas em Janeiro e por aí fora de 2008 que são os posts actuais e também os posts anteriores à medida que os traduzo com datas anteriores, as do posts originais do blog em inglês. Todos os posts serão colocados por ordem de data… Agradeço desde já a paciência: isto vai ser demorado e o meu tempo não abunda ao contrário do que possam pensar ; ) A excepção a possíveis demoras será deste mês (Janeiro de 2007) porque já o tenho traduzido. E há já algum tempo: estava a pensar inaugurar o site quando tivesse tudo traduzido para português… Já devem ter percebido que desisti da ideia…